Impresso ou digital: em qual material devo investir ?

A internet revolucionou o modo de se relacionar e de promover negócios. Atualmente, o meio digital é uma realidade para muitas empresas e estar presente nele é fundamental para qualquer negócio. Mas será que isso indica a extinção da publicidade impressa?

 

Antes de avaliar o que é mais vantajoso, é essencial pesquisar a finalidade, a estratégia e o objetivo da promoção do seu negócio. Dependendo do tipo de situação, o material pode se tornar mais adequado ou atrativo se for impresso do que digital. Por isso o ideal é sempre avaliar caso a caso.

De maneira genérica, toda empresa deve manter um equilíbrio entre a publicidade por meio de materiais impressos e materiais digitais, observando sempre a finalidade de cada ação.

Abaixo separamos para você os principais benefícios que cada tipo de material pode gerar para o seu negócio.

Material digital para a publicidade

PE_CICERO

 

Uma das maiores vantagens do material digital sem dúvidas é a capacidade de difusão. Isso porque esse tipo de material não conta com limitações para a sua distribuição. Enquanto um material impresso acaba sendo difundido de acordo com o limite de impressões, o material digital acaba alcançando proporções globais em termos de divulgação.

Outra vantagem diz respeito à flexibilidade dos formatos. Com o layout único e responsivo, é possível que uma mesma publicidade seja adaptada ao formato de tablets, smartphones ou computadores. Já no material impresso, cada formato exige um layout diferente de acordo com o tamanho da impressão.

A grande diferença, no entanto, fica ao encargo do tipo de publicidade e de mensagem que se veicula por meio do material digital. No caso do material digital, o ideal é priorizar pouco conteúdo e mensagens de fácil leitura. É preciso investir em um bom layout também para que a mensagem seja impactante e ao mesmo tempo de fácil identificação pelo seu público.

Sem dúvida o material digital conta com os benefícios de ser mais flexível e de difusão mais ampla, no entanto, antes de adotar uma estratégia de publicidade e marketing utilizando materiais digitais, sempre é necessário pesquisar a adequação, finalidade e objetivos a serem atingidos por meio dessa publicidade.

Material impresso para publicidade

APLICACAO

Apesar das inúmeras vantagens do material digital, nada substitui a riqueza das texturas, cores, definição de imagens e a própria qualidade do material impresso. Outro detalhe a ser levado em consideração é a finalidade do material. No caso de um evento, por exemplo, é imprescindível contar com um material impresso para promover não apenas uma boa impressão, mas facilitar o acesso aos contatos da empresa para potenciais clientes e parceiros.

O material impresso conta com maior pessoalidade, o que é uma condição para negócios que necessitam de confiança e credibilidade.

A tecnologia certamente produziu muitos avanços e revolucionou a mídia. No entanto, o material impresso ainda continua sendo um fator determinante para destacar empresas e gerar uma boa impressão. Mesmo com muitas mudanças, boa parte dos clientes sente que a empresa tem um maior cuidado na medida em que cuida também da publicidade impressa. Por isso, o ideal é sempre manter um equilíbrio entre o material impresso e o material digital, observando a finalidade e o objetivo de cada ação de marketing e publicidade.

 

Gostou deste post? Quer saber como investir  no seu negócio seja na Web ou em material impresso? Fale conosco 

 

Via: Print

Download dos novos “Reactions” do Facebook em Vetor

adnews-15991951961456424879b2e422a63a77efa79ba595ea001dae9522104d35

Os novos botões serão usados apenas para avaliar publicações, e não poderão ser incluídos em comentários, posts ou em conversas pelo bate-papo. Dessa forma, não substituirão as outras opções de imagens animadas do rede. Para as novas opções aparecerem, o usuário tem de manter pressionado o ícone do botão “curtir”. Ao passar o dedo sobre as imagem, elas interagem, cada um conforme a sua emoção.

Download

Facebook ganha anúncios interativos que preenchem toda a tela do celular

 Em um evento nesta quinta-feira, 25, em Nova York, o Facebook lançou o seu mais novo produto para empresas: o Canvas, anúncios interativos de tela cheia para dispositivos com sistema operacional Android e iOS.

A ferramenta, que havia sido anunciada em setembro do ano passado, é uma evolução dos anúncios em formato carrossel, que permitia aos usuários selecionar entre várias marcas ou produtos aqueles que ele estava interessado em saber mais informações.

Agora, os anúncios serão exibidos em tela cheia como se fossem sites projetados em torno de produtos específicos. Isso inclui apresentações, descrições, vídeos e uma interface interativa.

As propagandas foram concebidas para serem discreta para o usuário final. Elas aparecem praticamente como os anúncios regulares no feed de notícias, com exceção de um pequeno comando de “toque para abrir”. Ao clicar, o usuário tem acesso ao anuncio e para fechar basta clicar no “X” no canto superior esquerdo.

Segundo o Facebook, os usuários de teste têm respondido positivamente aos anúncios até agora, sendo que eles gastam uma média de 31 segundos por anúncio e mais de 70 segundos nos melhores. No geral 53% dos usuários visualizar mais da metade da tela.

Quer saber como anunciar no facebook?  Fale com a Balaiu’s Comunicação e conheça nossas estratégias para posicionar melhor sua marca no facebook.

 

Via: The Next Web

Como as marcas podem tirar proveito do ‘Reactions’?

adnews-15991951961456424879b2e422a63a77efa79ba595ea001dae9522104d35

Após uma inserção gradativa, o Facebook finalmente disponibilizou a ferramenta “Reactions” para toda a base de usuários. Para quem não sabe, a novidade nada mais é que uma variação do tradicional like que, além da conhecida “jóinha”, ganha outras emoções, expressas por meio seis emojis diferentes – amor, diversão, felicidade, surpresa, tristeza e raiva.

 

Facebook-reações (1)

Dentre os inúmeros lançamentos da rede social em 2016 este é, sem dúvidas, um dos mais importantes para as marcas. Isso porque o “Reactions” deve impactar diretamente a interação entre empresa e consumidor no digital.

Segundo Camila Porto, autora do livro Facebook Marketing, a novidade trará mais opções de engajamento para os fãs, o que reflete “em mais dados e informações para as empresas avaliarem o desempenho do seu conteúdo”. Ela ainda afirma que os social medias devem temer o emoji zangado, que representa um descontentamento. “Muitas reações assim podem ser ruins para a imagem da empresa”, acrescenta.

 

Entre as vantagens que a ferramenta dá, está o feedback aprimorado dos usuários.” A partir do momento que há diferenciação entre as reações, é possível saber o que realmente as pessoas acharam de cada conteúdo. A pessoa podia simplesmente ‘curtir’ ou realmente ter ‘amado’ aquilo. Com essas possibilidades, as empresas podem saber o que as pessoas realmente gostam e o que elas só curtem”, conta Camila.

Fica claro que o Reactions amplia o leque ao trazer outros elementos de engajamento. Apesar de não terem mais ou menos peso que uma curtida, os inofensivos emojis podem abrir um novo cenário de análise de dados e de conexão com a audiência.

 

Via: adnews

Facebook libera novos botões alternativos ao ”curtir”

facebook

A partir de hoje, os usuários do Facebook no Brasil poderão fazer mais do que “curtir” um post na rede social. O site começou a liberar as “reações”, botões em forma de emojis animados que expressam mais do que só a aprovação do “joinha”. Por isso, não se assuste se começar a aparecer em sua timeline carinhas amarelas com nomes engraçados.

Em inglês, os cinco novos botões se chamam: “Love”, “Haha”, “Wow”, “Sad” e “Angry”. No Brasil, são “Amei”, “Haha”, “Uau”, “Triste” e “Grr” (para raiva), respectivamente. A novidade chega primeiro à versão do aplicativo para iPhone, mas em breve será liberada para Android e para a versão web.

facebook-reactions-g1

Os novos botões serão usados apenas para avaliar publicações, e não poderão ser incluídos em comentários, posts ou em conversas pelo bate-papo. Dessa forma, não substituirão as outras opções de imagens animadas do rede. Para as novas opções aparecerem, o usuário tem de manter pressionado o ícone do botão “curtir”. Ao passar o dedo sobre as imagem, elas interagem, cada um conforme a sua emoção.

“É importante dar às pessoas mais opções do que apenas o ‘Curtir’ para ajudá-las a expressar empatia”, disse, reconhecendo que “nem todos os momentos são bons”, diz Sammi Krug, gerente de produto do Facebook.

facebook-reactions-menor-g1-e1456325703561

Via: G1

Processo Criativo

Agência_de_propaganda

Agência_de_propaganda

Todas as pessoas são criativas, portanto, todas devem acreditar neste potencial que existe em cada uma e se manifesta pelo sonhar acordado, pela intuição, pela curiosidade e pela capacidade de inovar.

Criar é descobrir algo novo, ser original naquilo que se produz. Todo bom anúncio, por exemplo, depende de uma boa ideia. Uma boa ideia surge em um processo criativo.

Leia mais

O mistério das marcas

O mistério das marcas

Um logotipo pode dizer muito, mas às vezes precisa de tradução. Conheça o sentido por trás de algumas marcas que com certeza vocês conhecem.

APPLE

Marcas 1

A maçã lembra Isaac Newton; a mordida, o senso de descoberta.

DOVE

Marcas 1

Era marca exclusiva dos militares. Daí a pomba (em inglês, dove) da paz.

QUAKER

Marcas 1

O quaker (grupo cristão) do desenho é William Penn, fundador da Pensilvânia.

ABRIL

Marcas 1

Abril é primavera na Itália, país da família do fundador, daí o nome e a árvore verde.

GUARANÁ

Marcas 1

Literal, mostra o fruto que é a base do refrigerante.

PLAYBOY

Marcas 1

Para seu criador, Hugh Hefner, o coelho traz óbvias conotações sexuais.

PÃO DE AÇÚCAR

Marcas 1

São o Pão-de-Açúcar e o morro da Urca nostálgicos (sem bondinho).

TIGRE

Marcas 1

É a pegada do tigre, presente em todos os produtos da marca.

TIMBERLAND

Marcas 1

Lembra a marca (terra da lenha, em inglês) e os calçados para aventura.

MICHELIN

Marcas 1

O simpático bonequinho é formado de pneus, produto da empresa.LINUX

Marcas 2

O criador do software achou uma foto de pinguim na rede e adotou o símbolo.

FERRARI

Marcas 2

O cavalo originalmente era o símbolo de um piloto italiano herói de guerra.

LACOSTE

Marcas 2

Crocodilo era o apelido do aguerrido tenista René Lacoste, criador da marca.

PERDIGÃO

Marcas 2

A empresa nasceu na Vila das Perdizes (outro nome pra per digão), hoje Videira (SC).

HERING

Marcas 2

Os peixes são arenques – em alemão, hering, sobrenome dos fundadores.

DURATEX

Marcas 2

O rinoceronte estilizado simboliza a durabilidade dos produtos.

NESTLÉ

Marcas 2
O nome significa ninho zinho em francês, daí a singela família de pássaros.

RED BULL

Marcas 2
O combate de touros vermelhos representa a energia que a bebida dá.

BACARDI

Marcas 2
A destilaria onde o famoso rum foi criado era frequentada por morcegos.

CAVALERA

Marcas 2

A fênix de duas cabeças representa a capacidade de renovação a cada coleção.
BMW

Marcas 3

A sigla significa fábrica de motores da Bavária, cuja bandeira está no círculo.

BIC

Marcas 3

O Bic Boy foi criado em 1961 para popularizar canetas entre crianças.

OLYMPIKUS

Marcas 3

Simples e direto: uma conexão com os anéis dos Jogos Olímpicos.

PEUGEOT

Marcas 3

O leão em pé é o símbolo do Franco-Condado, região de origem da montadora.

MSN

Marcas 3

A borboleta captura a imaginação e a liberdade de conversar no MSN.

KIBON

Marcas 3

A imagem busca harmonizar a forma de coração com a consistência de um sorvete.

GOODYEAR

Marcas 3

A borracha vulcanizada vem de Vulcano, mas o pé é de outro deus, Mercúrio.

JAVA

Marcas 3

Parece erro de programação, mas java é uma gíria americana para café.

AGIP

Marcas 3

As 6 patas do cão somam 4 rodas do carro e 2 patas do motorista. Sério.

FABER-CASTELL

Marcas 3

Os cavaleiros representam força, precisão e tradição.

BOZZANO

Marcas 4

É um B, mas também representa movimento de passar creme na bochecha.

TEXACO

Marcas 4

A estrela e o T simbolizam o Texas, o estado da estrela solitária.

MOTOROLA

Marcas 4

O M mirando para cima é um símbolo da permanente busca da liderança.

CHANEL

Marcas 4

A corrente é feita com as iniciais da fundadora, Coco Chanel.

VOLKSWAGEN

Marcas 4

Para quem nunca reparou: há um V (volks) sobre o W (wagen).

LG

Marcas 4

O L e o G do rosto sorridente buscam conectar humanidade e tecnologia.

TOYOTA

Marcas 4

É um T estilizado e também um globo representando o potencial de expansão.

ZOOMP

Marcas 4

Repare que tem um Z no meio do raio, símbolo de energia criativa.

BANCO DO BRASIL

Marcas 4

A forma parece abstrata, mas são dois bês entrelaçados.

ELECTROLUX

Marcas 4

O biquíni fio-dental é na verdade um E, bem achatado, sobre o sol.

SHELL

Marcas 5

A concha da petrolífera vem do pai do fundador, que tinha uma coleção delas.

GLOBO

Marcas 5

É um globo com uma tela (desde 2008, widescreen) transmitindo… um globo!

VARIG

Marcas 5

A rosa-dos-ventos lembra o tempo em que seus aviões percorriam o mundo inteiro.

MERCEDES-BENZ

Marcas 5

A estrela tem 3 pontas pela ambição do fundador de dominar terra, mar e ar.

ABN AMRO / BANCO REAL

Marcas 5

O escudo simboliza tradição, o verde, estabilidade e o amarelo, otimismo.

CREDICARD

Credicard

Entre as elipses, um cartão de crédito que expande horizontes.

VALE

Marcas 5

É um V, é um vale, são as cores do Brasil e ainda um morro com extração mineral.

MARLBORO?

Marcas 5

O abstrato M vermelho é herança de quando o filtro era dessa cor.

UNIBANCO

Marcas 5

Os elos simbolizam a união de instituições que gerou o Unibanco. Antes do Itaú, claro.

BRADESCO

Marcas 5

ada elemento tem uma explicação, mas, em resumo, é uma árvore.

MITSUBISHI

Marcas final

Em japonês, significa literalmente 3 losangos, representados na marca.

HSBC

Marcas final

Os triângulos brancos são um H e os vermelhos simbolizam expansão.

MONTBLANC

Marcas final

Homenagem ao ponto culminante da França, visto de cima, coberto de neve.

STARBUCKS

Marcas final

A rede de cafés nasceu no porto, daí a sereia  que segura dois rabos.

YAMAHA

Marcas final

São 3 diapasões (instru mentos de afinação), pela origem musical da marca.

HYUNDAI

Marcas final

O H mostra (ou deveria mostrar) duas pessoas trocando um aperto de mãos.

CARREFOUR

Marcas final

Tem quem nunca tenha enxergado o C subliminar entre as cores da França.

CHEVROLET

Marcas final

Nem cruz nem gravatinha: o designer copiou um padrão de papel de parede.

ADIDAS

Marcas final

A florzinha é na verdade um mapa-múndi dividido em 3.

SANTANDER

Marcas final

A chama representa força, estabilidade e liderança.

AUDI

Marcas final

Os 4 círculos representam a união de 4 empresas que formaram a montadora.

NIKE

Marcas final

Não são as asas da vitória, mas um símbolo abstrato, escolhido em concurso.

ATARI

Marcas final

O fundador americano curtia tanto o Japão que se inspirou no monte Fuji.

UMBRO

Marcas final

Cada losango representa um dos fundadores, Harold e Wallace Humphrey.

RENAULT

Marcas final

Desde 1972 o diamante provoca ilusão de ótica, pois a caixa não se fecha.

PARMALAT

Marcas final

A mistura de flor e sol representa o frescor natural dos laticínios.

TERRA

Marcas final

As elipses formam uma janela que transporta o internauta para outros mundos.

UOL

Marcas final

É o Universo e, dentro dele várias órbitas de corpos celestes que se cruzam.

SONY ERICSON

Marcas final

Com muita boa vontade, você vê na bolinha um S e um E minúsculo.

Por Emiliano Urbim – Superinteressante